logo
Português (pt-PT)English (United Kingdom)
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
MUSEU
COLEC√á√ēES
EXPOSI√á√ēES
SERVIÇOS E ACTIVIDADES
LOJA
NOVIDADES
INFORMA√á√ēES

Newsletter




Autenticação

Partilhar

Facebook Image

 Google Arts & Culture

Serviço Educativo


.:: Os M√ļsicos do Museu - NOVIDADE
PDF Vers√£o para impress√£o Enviar por E-mail

Retrato de Jo√£o Domingos Bomtempo, pormenor (Museu Nacional da M√ļsica, Inv. MNM 1067) Visitas tem√°ticas conduzidas pelo historiador Jo√£o Mendes Pinto.

Afinal como e quando viveram os m√ļsicos representados nas cole√ß√Ķes do Museu Nacional da M√ļsica?

 

Tipo de Atividade: Visita
P√ļblico-alvo:¬†Recomendado para jovens e adultos
Duração: Cerca de 60 minutos
N.¬ļ Participantes:¬†Entre 10 e 20 por sess√£o

Pre√ßo:¬†‚ā¨ 3,00 / Participante

Orientação: João Mendes Pinto

Disponibilidade: 2.ª e 4.ª (12:00 h - 13:00 h / 15:00 h - 17:00 h) e sábados (15:00 h - 17:00 h)

 
.:: Hora do Conto - ‚Äú‚ĶIlha Desconhecida‚ÄĚ
PDF Vers√£o para impress√£o Enviar por E-mail

Hora do Conto - ‚Äú‚ĶIlha Desconhecida‚ÄĚ Um contador de hist√≥rias e um m√ļsico d√£o vida a ‚ÄúO Conto da Ilha Desconhecida‚ÄĚ de Jos√© Saramago. "...Que √© necess√°rio sair da ilha para ver a ilha, que n√£o nos vemos se n√£o sa√≠mos de n√≥s...", ouve-se a certa altura. Nesse movimento de tomar dist√Ęncia para conhecer est√° gravado o olho cr√≠tico de Jos√© Saramago, cujo otimismo parece alimentado por ra√≠zes que entram no ch√£o profundamente. Em suma: Vale a pena tentar lutar contra as conven√ß√Ķes em busca dos nossos sonhos e de n√≥s pr√≥prios.

 

Tipo de Atividade:¬†Hora do Conto / Atelier de palavras com m√ļsica
P√ļblico-alvo:¬†Recomendado para alunos do 8.¬ļ e 9.¬ļ anos de escolaridade
Duração: Cerca de 55 minutos
N.¬ļ Participantes:¬†Entre 30 e 50 por sess√£o

Pre√ßo:¬†‚ā¨ 5,00 / Participante

Orientação: Jozé Sabugo

 
.:: A hist√≥ria da ‚Äúm√£e clave‚ÄĚ
PDF Vers√£o para impress√£o Enviar por E-mail

A Hist√≥ria da M√£e Clave Era uma vez uma senhora muito bonita e elegante que se chamava ‚ÄúClave‚ÄĚ, m√£e de sete filhotas, todas com o sobrenome ‚Äúnotas da m√ļsica‚ÄĚ. Para cuidar das suas sete filhotas, a m√£e Clave contava com a preciosa ajuda do seu endiabrado marido, ‚Äúpap√° ritmo‚ÄĚ. Toda a fam√≠lia vivia muito feliz num belo lugar, onde reinavam os sons, os ritmos, os instrumentos, todos combinados em bel√≠ssimas melodias.¬†

A hist√≥ria da m√£e clave √© repleta de interatividade. As crian√ßas tomam contato visual e auditivo com os diversos elementos b√°sicos da m√ļsica: clave de sol, figuras r√≠tmicas, pauta musical; tudo de forma l√ļdica e pedag√≥gica, com recurso √† sua manipula√ß√£o direta.

 

Tipo de Atividade: Atelier
P√ļblico-alvo: Crian√ßas dos 2 aos 10 anos
Duração: 50 minutos
N.¬ļ Participantes:¬†Entre 25 e 30 por sess√£o

Pre√ßo:¬†‚ā¨ 8,00 / Participante

Orientação: Prof. José Miguel Vitória Rodrigues
Disponibilidade: 2.ª a 6.ª feira, entre as 10:30 h e as 17:30 h. Sábados só em períodos de férias escolares

 
.:: Portugal de Lés-a-Lés
PDF Vers√£o para impress√£o Enviar por E-mail

Portugal de Lés a Lés

Dentro de uma mala, um mapa. Para onde vamos? Dizem que vamos de viagem: partiremos sem sair do Museu e, de ouvidos bem abertos, vamos descobrir instrumentos, sons e cantares do nosso país. Uma visita-jogo que leva os participantes à descoberta do nosso país através dos instrumentos musicais tradicionais presentes na exposição.

 

Tipo de atividade: Atelier
P√ļblico-alvo:¬†Crian√ßas do Pr√©-Escolar, 1.¬ļ e 2.¬ļ Ciclos
Duração: Cerca de 60 minutos
N.¬ļ Participantes:¬†M√≠nimo 15 crian√ßas; M√°ximo 1 turma

Pre√ßo:¬†‚ā¨ 5,00 / Participante

Orientação: Patrícia Azevedo Godinho
Disponibilidade: 2.ª a Sábado no período da manhã

 
.:: Ao toque da concertina
PDF Vers√£o para impress√£o Enviar por E-mail

Ao Toque da Concertina

Viagem musical ao toque da Concertina. √Ä medida que se v√£o percorrendo territ√≥rios, v√£o-se explicando as influ√™ncias dos movimentos migrat√≥rios (essencialmente no s√©c. XIX), na miscigena√ß√£o e desenvolvimento dos ritmos tradicionais da Europa, Am√©rica e √Āfrica.

 

Tipo de atividade: Atelier
P√ļblico-alvo:¬†Alunos de Educa√ß√£o Musical, 2.¬ļ ciclo e M√ļsica 3.¬ļ ciclo; alunos de Geografia do b√°sico e secund√°rio (Geografia politica: territ√≥rios, pa√≠ses, continentes e movimentos migrat√≥rios); alunos do Ensino Art√≠stico Especializado de M√ļsica
Duração: Cerca de 60 minutos
N.¬ļ Participantes:¬†Entre 80 e 120 por sess√£o

Pre√ßo:¬†‚ā¨ 8,00 / Participante

Orienta√ß√£o: Artur Fernandes (Concertina); Bitocas Fernandes (Percuss√Ķes e Objetos Sonoros)

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 Seguinte > Final >>

P√°gina 1 de 4